Jetro Salazar é campeão brasileiro de motocross das principais categorias

Belo Horizonte (MG) - Jetro Salazar é o campeão brasileiro de motocross da temporada 2019 nas principais categorias, a MX1 e a Elite MX. Com a motocicleta CRF 450R, o piloto da equipe Honda Racing foi o grande destaque da sétima e última etapa, realizada neste domingo (27/10) na pista montada ao lado do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Minas Gerais.


A competição, equilibrada desde o início, consagrou o piloto equatoriano na última corrida da Elite MX, que também somou valiosos pontos para a classe MX1. Salazar imprimiu forte ritmo e conquistou a vitória, seguido pelo companheiro de time Hector Assunção. A dupla já havia feito a mesma dobradinha na bateria exclusiva da MX1, horas antes. Salazar anotou outra vitória no fim de semana, na bateria da Elite MX, válida pela sexta etapa do campeonato e realizada neste sábado (26/10). 


“Foi uma missão muito difícil - e que conseguimos concluir com sucesso. Eu precisava ganhar todas as corridas decisivas para ser campeão, aos olhos de muita gente isso era algo impossível. Deu certo e sou bicampeão da MX1 e da Elite MX, não poderia estar mais feliz”, afirma Salazar. Além da taça da Elite MX, conquistada no ano passado, ele foi campeão brasileiro da MX1 em 2016. 


“Quero agradecer a equipe Honda Racing, sem o apoio de todos não poderia ter chegado até aqui. Eu também quero agradecer o meu companheiro Hector Assunção, que me ajudou muito nas baterias. Com ele logo atrás, tive ainda mais segurança e tranquilidade para buscar os títulos”, continua Salazar.
 
Quarto colocado na MX1 e na Elite MX, Assunção foi fundamental para construir o resultado que assegurou as vitórias para a equipe Honda Racing. Ele continua de olho no sétimo título brasileiro da carreira. “Eu dei o meu melhor na pista e estou muito feliz pelo meu companheiro de equipe, que merece demais esses títulos. Agora vamos comemorar e, no ano que vem, eu também vou conquistar a minha taça”, diz o paulista. 


Na categoria MX2, Leonardo Souza fechou o ano com vitórias nas etapas finais. Ele acelera a motocicleta Honda CRF 250R. “Consegui vencer e terminar o ano 100%, é uma satisfação muito grande. Obrigado a equipe Honda Racing, todos que fazem parte do time são demais”, agradece o catarinense. 
Souza encerrou o campeonato em terceiro lugar. Os outros representantes da equipe Honda Racing na MX2 foram Lucas Dunka, quinto colocado da tabela, e Matheus Klysmann, em nono lugar. 


Pela equipe satélite Circuit Honda, os pilotos Reginaldo Ribeiro, o “Juninho”, e Rafael Araújo, o “Bubinha”, confirmaram o quarto lugar nas categorias MX2 e MX2Jr, respectivamente. Humberto Martin, o “Machito”, mesmo depois de se machucar no início do ano, fechou o campeonato em 10º lugar da MX1 e em 12º na Elite MX. 


A equipe Honda Racing de Motocross é patrocinada por Pro Honda, Circuit, Apinestars, DID e Seguros Honda.


Campeonato Brasileiro de Motocross


Classificação final 


Elite MX 
1 - Jetro Salazar #20 - Honda CRF 450R - 132 pontos  
2 - Paulo Alberto #211 - 125 pontos 
3 - Carlos Campano #1 - 122 pontos  
4 - Hector Assunção #30 - Honda CRF 450R - 108 pontos
5 - Fábio Santos #01 - 76 pontos


MX1
1 - Jetro Salazar #20 - Honda CRF 450R - 263 pontos 
2 - Carlos Campano #1 - 255 pontos  
3 - Paulo Alberto #211 - 252 pontos 
4 - Hector Assunção #30 - Honda CRF 450R - 231 pontos  
5 - Jean Ramos #10 - 150 pontos 


MX2 
1 - Fábio Santos #1 - 272 pontos 
2 - Frederico Spagnol #61 - 259 pontos  
3 - Leonardo Souza #45 - Honda CRF 250R - 238 pontos 
4 - Reginaldo “Juninho” Ribeiro #416 - Honda CRF 250R (Circuit Honda) - 183 pontos
5 - Lucas Dunka #34 - Honda CRF 250R - 159 pontos 
9 - Matheus Klysman #43 - Honda CRF 250R - 124 pontos


Resultados - 7ª etapa do Brasileiro de Motocross - Belo Horizonte (MG)


Bateria Elite MX
1 - Jetro Salazar #20 - Honda CRF 450R 
2 - Hector Assunção #30 - Honda CRF 450R 
3 - Paulo Alberto #211 
4 - Carlos Campano #1 
5 - Humberto Martin #101 - Honda CRF 450R (Circuit Honda) 


Soma MX1
1 - Jetro Salazar #20 - Honda CRF 450R 
2 - Hector Assunção #30 - Honda CRF 450R 
3 - Paulo Alberto #211 
4 - Carlos Campano #1 
5 - Humberto Martin #101 - Honda CRF 450R (Circuit Honda) 


Bateria MX1
1 - Jetro Salazar #20 - Honda CRF 450R 
2 - Hector Assunção #30 - Honda CRF 450R 
3 - Carlos Campano #1 
4 - Paulo Alberto #211 
5 - Pepê Bueno #97


Soma MX2 
1 - Leonardo Souza #45 - Honda CRF 250R 
2 - Frederico Spagnol #61 
3 - Leonardo Cassarotti #25
4 - Reginaldo “Juninho” Ribeiro #416 - Honda CRF 250R (Circuit Honda)
5 - Fábio Santos #1 
7 - Lucas Dunka #34 - Honda CRF 250R


Bateria MX2 
1 - Fábio Santos #1 
2 - Frederico Spagnol #61 
3 - Leonardo Souza #45 - Honda CRF 250R 
4 - Lucas Dunka #34 - Honda CRF 250R
5 - Reginaldo “Juninho” Ribeiro #416 - Honda CRF 250R (Circuit Honda)

Mundo Press – Assessoria de Imprensa da Honda Racing Brasil  

Jornalista responsável: Ângela Monteiro  

Share on Google Plus

Publicado por RAFA

0 comentários:

Postar um comentário