Motocross das Nações: Jean Ramos está fora e Brasil tem nova formação

Irmãos competiram no Nações na França e agora vão repetir a experiência na Inglaterra

Marcello Ratinho e Dudu Lima na primeira vez que representaram o Brasil no Motocross das Nações, em 2011. Irmãos estão confirmados na edição 2017 da prova. Ratinho na MXGP, Dudu na Open
A equipe brasileira no Motocross das Nações 2017 tem mais uma vez uma nova formação na competição. Jean Ramos anunciou esta semana em suas redes sociais que não disputará a prova no dia 1º de outubro em Matterley Basin, Inglaterra, para poder se focar nas competições nacionais abrindo desta forma a vaga na categoria MXGP.

"Optei por não participar do Nações este ano, por não estar na minha melhor fase e visando o Arena Cross que tem duas etapas logo após ao Nações", explicou. "Queria pedir desculpas ao Cacau e a todos os envolvidos e torcer pelo Brasil que vai ser bem representado pelo time que foi formado!"     

Fabio Santos é o piloto da equipe na MX2

Com a desistência do paranaense, o até então piloto reserva Marcello "Ratinho" Lima foi confirmado no time oficial pelo chefe de equipe Manuel Carlos Hermano, o Cacau. O novo reserva ainda não foi definido.

A nova formação reedita 2011, com Ratinho novamente correndo ao lado do irmão Dudu Lima. Na ocasião, Antônio Jorge Balbi também representou o Brasil na prova mais importante do calendário mundial da modalidade. Agora, em 2017, além dos irmãos Lima, a seleção contará com o atual campeão brasileiro MX2, Fabio Santos.


Confira abaixo a formação atualizada da equipe brasileira no Motocross das Nações 2017.

Seleção Brasileira Motocross das Nações 2017
Marcello "Ratinho" Lima - MXGP - (moto fornecida pela Steve Dixon Kawasaki)
Eduardo Lima - Open - Kawasaki (moto fornecida pela Steve Dixon Kawasaki)
Fabio Santos - MX2 - Yamaha (moto fornecida pela JK Yamaha)
Piloto reserva indefinido
Carlos Hermano Cacau - Chefe de equipe

fonte: motox

Share on Google Plus

Publicado por Unknown

0 comentários:

Postar um comentário